ARIPUANÃ, Segunda-feira, 15/07/2024 -

NOTÍCIA

Atuação das mulheres no agronegócio é valorizada e incentivada pelo Sicredi

Como forma de materializar esse apoio, a instituição financeira cooperativa participa mais uma vez do Encontro Elas no Campo, que ocorrerá esta semana em Cuiabá

Data: Sexta-feira, 14/06/2024 11:13
Fonte: Da Assessoria

A participação das mulheres em cargos de gestão e na governança dos negócios é um tema recorrente nos debates, em diferentes esferas da sociedade. Importante apoiador do movimento que visa ampliar a presença das mulheres em posições de liderança e decisão, o Sicredi desenvolve ações com esta finalidade por entender que a equidade contribui para a construção de uma sociedade mais justa e próspera. Nesse sentido, por mais um ano, a instituição financeira cooperativa participa do Encontro Elas no Campo, realizado em Cuiabá esta semana (dias 13 e 14 de junho), no Cenarium Rural.

Em sua 4ª edição, o Elas no Campo tem programação variada, com debates sobre carreira, economia, tecnologia, protagonismo feminino, comunicação e oportunidades de networking. O evento estima um público de 600 mulheres, que atuam em diferentes áreas do agronegócio: produtoras rurais, profissionais de pesquisa e inovação, vindas de todo o País. Entre os palestrantes está o diretor-executivo da Central Sicredi Centro Norte, Seneri Paludo, que falará sobre “Ambiestria entre resultados e pessoas para um futuro de valor”, no dia 14, às 11h45.

Na lista de palestrantes estão a renomada economista Zeina Latif, com o tema “Cenários Econômicos - O que temos pela frente para o agro”, a jornalista Mariana Ferrão, com a palestra “Saúde Mental” e a jornalista e escritora Fabiana Scaranzi, que falará sobre “A Mulher Vivendo Todo o Seu Potencial”. Mais informações sobre o evento e a programação completa podem ser conferidas aqui.

Primeira instituição financeira cooperativa do Brasil, com mais de 120 anos, o Sicredi tem suas raízes no agronegócio, segmento que se fortaleceu muito nas últimas décadas e que atualmente tem importante peso na economia brasileira. Dados divulgados pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP, em parceria com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) apontam que o Produto Interno Bruto (PIB) do Agronegócio representou 23,8% do PIB do País em 2023. A metodologia usada pelo Cepea/Esalq engloba todo o agronegócio (insumos agropecuários, agropecuária, agroindústria e agrosserviços). Além disso, considera conjuntamente as evoluções de volume e preços reais.

Já a pesquisa Connectare Agrogestão sobre o Perfil das Mulheres Brasileiras no Agronegócio aponta que a participação feminina no agro cresceu 1,3% no 1º trimestre de 2023, em relação a igual período do ano anterior, acréscimo de 140 mil mulheres. Elas representam 23,41% do total de mulheres trabalhando no Brasil.

“As mulheres do agronegócio já romperam com diversas barreiras do preconceito e estereótipos. Gestoras, trabalhadoras, motivadas e valentes, elas estão cada vez mais enfrentando o preconceito masculino e ocupando espaço nos diversos segmentos do agronegócio. Conciliadoras, transitam entre o campo e as cidades com a mesma facilidade com que harmonizam a carreira e a família. Diante desse contexto e tendo o agro em nossa origem, nada mais natural do que estarmos aqui”, considera Seneri Paludo, diretor-executivo da Central Sicredi Centro Norte.

Para melhor receber e interagir com o público, o Sicredi terá um estande no evento, onde as mulheres do agro poderão conhecer mais sobre a instituição financeira cooperativa, as soluções

financeiras destinadas ao agro, inclusive o mais recente produto: o cartão de crédito Visa Infinite, que possui benefícios e diferenciais.