ARIPUANÃ, Terça-feira, 30/11/2021 -

NOTÍCIA

Homem é morto a tiros em possível disputa de terras em distrito de Cotriguaçu

Data: Segunda-feira, 22/11/2021 09:22
Fonte: JUÍNA NEWS

Um suposto confronto entre seguranças privados de uma fazenda localizada em Nova União, Distrito de Cotriguaçu, MT, e invasores de terras terminou com um homem morto na manhã desta terça-feira, dia 16. Cerca de 70 famílias estão residindo no local que já registrou outros episódios de violência.

O Juína News apurou que a polícia militar recebeu informações de que na fazenda Jump Madeiras, havia ocorrido um homicídio que supostamente teria sido provocado por motivos de invasão de terras.

Com auxílio de investigadores da polícia judiciária civil, uma guarnição da Polícia Militar do Distrito de Nova União e a Força Tática, se deslocaram até a sede da fazenda onde os seguranças informaram que havia ocorrido um confronto entre alguns seguranças da fazenda com supostos invasores em uma região de mata aproximadamente 23 quilômetros da sede, onde um dos invasores foi atingido por disparos de arma de fogo.

Os envolvidos supostamente no confronto não estavam mais na fazenda e teriam afirmado que iriam para a cidade de Colniza para seguir os protocolos da empresa.

Os demais seguranças que estavam na sede da fazenda, acompanharam os policiais até o local do suposto confronto sendo encontrado um homem já em óbito identificado como Sidinei Floriano Da Silva, de 33 anos, e ao lado do corpo havia um revólver calibre 38 com três munições, duas intacta e uma picotada.

Os investigadores realizaram os trabalhos no local do crime e recolheram o corpo que foi trazido ao IML da cidade de Juína. A vítima tinha perfuração de arma de fogo nas costas.

Em Juína, o irmão da vítima, Aparecido Floriano Da Silva conversou com o Juína News e disse não saber o real motivo, pois o irmão tinha um lote de terra na localidade, porém, existem muitos comentários desencontrados sobre a morte de seu irmão deixando todos os familiares muito triste e abalados, principalmente o pai da vítima que é um senhor de 77 anos, e há 30 anos mora na cidade de Colniza.

Segundo seu Aparecido, Sidinei foi abordado pelos seguranças juntamente com outra pessoa que foi liberada, e seu irmão acabou sendo morto e ainda não se sabe ao certo como tudo aconteceu.

O corpo da vítima foi liberado hoje e encaminhado para Colniza onde será velado e sepultado.

Sidinei era casado e deixa dois filhos.

O caso será investigado pela delegacia de Cotriguaçu.