ARIPUANÃ, Sexta-feira, 18/10/2019 -

NOTÍCIA

Arrecadação de MT aumentou 8,9% em 2019

Data: Sábado, 05/10/2019 09:24
Fonte: Da Assessoria

De acordo com o Impostômetro da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio-MT), de janeiro até 04 de outubro deste ano, às 15h, os contribuintes mato-grossenses já pagaram R$ 1.513 bi a mais em impostos federais, estaduais e municipais no Estado, em relação ao montante recolhido no mesmo período de 2018.

A ferramenta, que representa o total de multas, taxas, contribuições e impostos pagos desde o primeiro dia do ano, aponta que em valores esse montante chegou a R$ 25.212 bilhões, um crescimento de 6,4% em relação ao contabilizado no mesmo intervalo do ano passado (quando foram pagos R$ 23,698 bilhões).

Cuiabá

Somente em Cuiabá, o total de impostos pagos pelo contribuinte alcançou a cifra de R$ 589.840 milhões, avanço de R$ 8,9% em relação a 2018. Entre 1º de janeiro e 04 de outubro do  ano passado, o total de impostos pagos em Cuiabá foi de R$ 541.629 milhões.

Brasil

Neste ano, os cidadãos brasileiros já pagaram o montante é de R$ 1.861.122 trilhão, no mesmo período no ano passado o valor foi de R$ 1.766.804, o que representa um crescimento de 5,33%.

O levantamento utilizado das arrecadações federais é da Receita Federal do Brasil, Secretaria do Tesouro Nacional, Caixa Econômica Federal, Tribunal de Contas da União, e IBGE. As receitas dos estados e do Distrito Federal são apuradas com base nos dados do CONFAZ – Conselho Nacional de Política Fazendária, das Secretarias Estaduais de Fazenda, Tribunais de Contas dos Estados e Secretaria do Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda. As arrecadações municipais são obtidas através dos dados da Secretaria do Tesouro Nacional, dos municípios que divulgam seus números em atenção à Lei de Responsabilidade Fiscal, dos Tribunais de Contas dos Estados.