ARIPUANÃ, Segunda-feira, 13/07/2020 -

NOTÍCIA

Se as eleições fossem hoje, Mauro Mendes teria maioria dos votos em Cuiabá e VG

Data: Terça-feira, 23/03/2010 00:00
Fonte:

Fonte:juaraemrevista,fatoseboatos

Por Izabela Andrade/VG Notícias com Folha do Estado
Depois de ter trocado o PR pelo PSB, o empresário Mauro Mendes, tem ganhado cada vez mais projeção política, liderando a disputa pelo governo do Estado em Cuiabá e Várzea Grande. È o que revela a pesquisa de intenção de voto do Instituto Prodata/Folha Pesquisa, divulgado nesta quarta-feira (02.12) pelo Jornal Folha do Estado.

Os principais colégios eleitorais do Estado apontam que, se as eleições fossem hoje, Mauro Mendes seria eleito governador, com 43,61%, sucedendo Blairo Maggi (PR). A pesquisa foi realizada de forma estimulada, na qual são apresentados nomes aos eleitores. Ainda neste mesmo cenário o prefeito de Cuiabá, Wilson Santos (PSDB), aparentemente perdeu força junto à “cuiabania” e soma 27,65% das intenções de voto, seguido do vice-governador e também pré-candidato Silval Barbosa (PMDB) 10,63%.
 
Em outro cenário, a grande surpresa revelada é o índice de rejeição, a qual foi apresentado aos entrevistados a questão: “em quem você não votaria de jeito nenhum para governador?”, entre os pré-candidatos apresentados aos eleitores, o prefeito tucano lidera com maior índice de rejeição, com 26,4%, seguido do Senador Jaime Campos (DEM), 20,08% - que assim como Wilson tem sua base eleitoral na Baixada Cuiabana, depois com 13,8% vem Silval Barbosa e com o menor percentual entre os rejeitados Mauro Mendes, com 9,4%. No entanto, 29,6% dos entrevistados se mostraram indecisos sobre esta questão.
 
Amostragem entrevistou mil pessoas em ambos os municípios, sendo 672 em Cuiabá e 328 em Várzea Grande,s entre os dias 21 e 26 de novembro. A margem de erro para a sucessão estadual é de 4% para mais ou para menos. A metodologia aplicada pelo o Instituto/ Prodata Folha Pesquisa foi à quantitativa, sendo a técnica utilizada a Survey, na qual, foi feitas aplicações de questionário estruturado e padronizado, via campo, em Cuiabá e Várzea Grande.