NOTÍCIAS

Conheça o triplex do Guarujá que motivou a condenação de Lula - fotos

12/07/2017
Fonte: DO R7

 

R7
Estadão Conteúdo

O juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba (PR), condenou nesta quarta-feira (12) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a 9 anos e 6 meses de prisão no caso do triplex em Guarujá (SP), no âmbito da Operação Lava Jato. O ex-presidente respondia pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro por meio do recebimento de R$ 3,7 milhões da empreiteira OAS, por meio de contratos da empresa com a Petrobras.

 

Esse dinheiro, de acordo com a denúncia do MPF (Ministério Público Federal), teria sido repassado a Lula por meio da compra e reforma do apartamento no litoral paulista.

 

O apartamento de três andares que teria sido comprado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, no Guarujá, litoral de São Paulo passou por obras de acabamento duraram um ano e, segundo informações de 2014 do jornal O Globo, foram acompanhadas de perto pela mulher do ex-presidente, Marisa Letícia, e pelo filho, Lulinha.

 

Fotos: Divulgação

O prédio fica na praia das Astúrias, endereço nobre da cidade. O apartamento está localizado no 16º andar. A família teria construído um elevador particular interligando os três pisos do imóvel. O imóvel teria sido adquirido na planta em 2006, ano em que Lula disputou a reeleição.

 

Segundo uma imobiliária que comercializa unidades no local, um apartamento desses custava, em 2014, entre R$ 1,5 milhão e R$ 1,8 milhão. O projeto original do apartamento tem apenas escada interligando os três andares, mas a família do ex-presidente optou por instalar um elevador interno. O imóvel tem 297 m².

 

Nas obras de acabamento, o filho de Lula mandou colocar porcelanato em tudo, segundo a reportagem. No último piso há uma piscina e também um espaço gourmet. Segundo o MPF, a OAS, suspeita de estar envolvida no escândalo da Petrobras, pagou para formar o imóvel (mais de R$ 750 mil) e arcou com móveis de luxo para cozinha e dormitórios (cerca de R$ 320 mil).

 

Lula afirmou, diversas vezes, que chegou a visitar o triplex no Guarujá, mas que não solicitou e nem recebeu o imóvel. O ex-presidente alega que não é o dono do apartamento. Lula diz que ele e a mulher, a ex-primeira dama, Marisa Letícia, visitaram o imóvel apenas uma vez para avaliar a possibilidade de adquiri-lo, mas desistiram.

 

A aquisição seria por meio de cotas negociadas pela cooperativa Bancoop, mas a defesa do ex-presidente alega que ele desistiu da compra após a quebra da cooperativa e porque a obra teria encarecido demais.

 


Em meados de maio deste ano, o ex-presidente prestou depoimento ao juiz federal Sergio Moro em Curitiba (PR) e, por mais de três horas, respondeu às perguntas do magistrado. Na ocasião, reiterou que o triplex não pertencia à sua família e repassou a possibilidade sobre a possível compra do imóvel à dona Marisa Letícia Lula da Silva, que já morreu.

 

 

 


 

 

 

 

Comentários:




TERMOS E CONDIÇÕES DE USO
Nome:
Email:
Endereço:
Comentário:

Facebook