NOTÍCIAS

Clube mato-grossense calou o Estádio Mangueirão, tomado por 29 mil torcedores

17/05/2017
Fonte: Gazeta Digital

Com apenas 13 anos de história o Luverdense é o mais novo campeão nacional. Depois de vencer a primeira partida em casa, na Arena Pantanal, por 3 x 1, o representante de Mato Grosso foi à Belém-PA, diante de 29 mil pagantes, podendo perder por até um gol de diferença para assegurar o primeiro título e conquistou a 4ª Copa Verde/2017 ao empatar com o Paysandu em 1 x 1.

 

No duelo entre os rivais da Série B do Campeonato Brasileiro o LEC levou a melhor de forma invicta. Agora o campeão ingressa nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2018.

 

Precisando vencer em casa para assegurar o bicampeonato o Paysandu começou o jogo pressionando. Assim, Leandro Carvalho abriu o placar logo aos três minutos. Ele chutou de fora da área, após rebote e falha da zaga.

 

O resultado ainda dava o título ao time mato-grossense. Aos 12, o zagueiro Dalton saiu de campo sentindo uma lesão e foi substituido por Neguetti. Aos 17, Marco Auré- lio perdeu a chance de empatar o jogo, após boa triangulação. Ele chutou de fora da área, a esquerda da meta do Papão. Aos 26, Diogo Silva se antecipou a Gilvan, evitando o segundo gol do time paraense. Na etapa final, Marco Aurélio quase empatou.

 

Em cobrança de falta ele carimbou a trave esquerda de Marcão aos 12 minutos. Aos 24 o Luverdense perdeu o atacante Macena, lesionado, substituído por Fumaça. Rafael Silva foi adiantado para a posição.

 

O Luverdense perdeu dois gols seguidos, aos 26 e aos 27 minutos, primeiro com Fumaça, de fora da área, depois com Marco Aurélio. Aos 32 minutos o gol do título. Marcão derrubou Fumaça: pênalti que Rafael Silva converteu com categoria, no ângulo esquerdo, empatando o jogo: 1 x 1. Aos 41, Alaor substituiu o já cansado Marco Aurélio. O Luverdense calou o Mangueirão.

Comentários:




TERMOS E CONDIÇÕES DE USO
Nome:
Email:
Endereço:
Comentário:

Facebook